CASA DO CRUZEIRO

Rústico vs Moderno.

A Casa de Molares nasce das ruínas históricas, combinando a nostalgia com a modernidade.

A proposta arquitetónica teve como objetivo aproveitar a imagem característica da pré-existência, uma casa em pedra tradicional, e combinar com uma intervenção em betão, configurando habitabilidade, conforto e privacidade.

Outro ponto que se pretendeu explorar foi o facto do terraço/cobertura poder absorver toda a exposição solar de que a habitação privilegia, permitindo aos seus utilizadores tirar o máximo partido da piscina, enquanto usufruem de uma magnífica paisagem que combina o azul do Tâmega com o verde da Senhora da Graça.

Para além do referido, foram criadas aberturas para que toda a casa tivesse iluminação natural.

O conforto, a elegância, o passado, o presente e o futuro, confinados numa casa? Este é o caso.

Localização
Molares, Celorico de Basto
Data
2020
Categorias